Câmara de Timóteo sofre furto de notebooks

por Ludmilla Perpétua de Oliveira publicado 27/12/2018 16h07, última modificação 27/12/2018 16h07

A Câmara de Timóteo sofreu um furto nesta semana. Os funcionários do gabinete da Presidência deram falta de dois notebooks logo de manhã, nessa quarta-feira (26). A Polícia Militar foi acionada para apurar os fatos ocorridos. Alguns funcionários da Casa Legislativa foram ouvidos, bem como a perícia do local foi realizada no intuito de descobrir pistas do acontecido. Um Boletim de Ocorrência foi feito e agora o furto será investigado pelas autoridades.

O presidente da Câmara, Adriano Alvarenga, lamenta o fato, mas diz acreditar no trabalho desenvolvido pela Polícia Militar e Polícia Civil de Timóteo. “Não acreditamos que o furto tenha sido praticado por algum funcionário da Câmara, mas ficamos muito chateados com esta situação. Temos plena certeza que a Polícia Militar e a Civil vão investigar e fazer a lei ser aplicada neste caso, pois acompanho o trabalho do major Werner e do delegado Jorge Cladeira e sei que se empenharão também em resolver este caso.”

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.